fbpx

Parte I: Sumário Executivo

Imagine que você descobriu que existe tesouro escondido em uma ilha, mas não possui um mapa para chegar até lá. Encontrar esse tesouro vai ser uma tarefa muito mais difícil, não é mesmo?

O Plano de negócios é o mapa do seu negócio, ele vai te ajudar a responder questões cruciais para o sucesso da sua empresa. A primeira e a mais importante é: O que é o meu negócio? Parece um questionamento bobo, mas muitos empreendedores não conhecem o próprio negócio, não conhecem as potencialidades e fraquezas da própria empresa e por isso, em um certo momento, se perdem nas ideias e tomam atitudes equivocadas acerca de plano de crescimento, corte de gastos e estruturação.

É sempre importante lembrar que uma casa deve ter uma boa fundação. Depois de pronta, se não tivermos cuidado bem e investido tempo para criar uma boa base, não conseguimos manter uma grande estrutura: uma hora ou outra, a casa vai cair. E essa analogia é a mesma quando falamos em empreendedorismo, é preciso que você empreendedor, construa seu negócio com bases sólidas, com argumentos, conhecimento e dominância não apenas sobre o seu negócio, mas sobre o seu mercado, concorrente e público alvo e a respeito disso, o plano de negócios pode te ajudar e muito.

Então vamos a isso!

Como fazer o Sumário Executivo do Plano de Negócios: Passo a Passo

Não existe uma receita de bolo exata para o sucesso,

mas existem os ingredientes certos que podem te ajudar a chegar lá.

Essa é a primeira etapa do seu plano de negócios, mas ela só deve ser feita após a finalização dos outros pontos do PN, isso porque, o sumário executivo é um resumo do seu negócio e aqui você deve deixar claro o que é a sua empresa, qual problema ela deseja solucionar e a sua capacidade e a capacidade técnica dos seus sócios de gerir o negócio.

*Lembre-se

Em muitos casos o empreendimento é genial, mas o gestor não está preparado para tocar o negócio, por isso sempre dizemos: busque conhecimento, não fique no seu quadrado, não siga sempre em linha reta. Olhe ao redor, teste, procure informação, se arrisque, busque por pessoas que podem te ajudar no seu crescimento profissional.

Passo 1: Descreva o seu negócio

O primeiro tópico do sumário executivo de um plano de negócios e a descrição do projeto. Nessa parte procure responder questões como:

  1. Em linhas gerais, o que é o seu negócio?
  2. Quais são os seus principais produtos e serviços?
  3. Qual problema a sua empresa pretende solucionar ou qual oportunidade de negócio levou você a abrir essa empresa?
  4. Onde será localizada a sua empresa? Aqui você deve falar não apenas o espaço físico ou digital que pretende atuar, mas em questão de praça: onde você vai atuar? Brasil Inteiro? Região Sudeste? Estado de São Paulo? Apenas na cidade de São Paulo?
  5. Quem serão seus principais clientes?
  6. Qual o montante de capital a ser investido?
  7. Qual será o seu faturamento mensal? (calma, calma… se você está começando agora, em um próximo artigo vou falar sobre as projeções do plano financeiro)
  8. Em quanto tempo você espera que o capital que foi investido para o seu negócio retorne para você?

IMPORTANTE: Lembre-se que no Sumário Executivo você não precisa aprofundar cada tema, o importante é dar uma “palinha” sobre o que está por vir e deixar o seu leitor curioso. *Para isso, escolha bem as palavras*. Antes de você vender um serviço ou produto em seu negócio, você precisa vender e muito bem a sua ideia, o seu negócio. É aí que tudo começa!

Passo 2: Vamos falar sobre quem faz o negócio, vamos falar de você!

Nessa segunda parte do sumário executivo de seu plano de negócios, você precisa mostrar quem faz o negócio acontecer e porque essas pessoas estão aptas para se associar em prol da empresa.

Pode parecer algo simples, mas essa é uma ótima etapa para verificar a escolha dos seus sócios. Será que eles estão alinhados com a ideologia da empresa? Será que vocês estão em sintonia? A escolha equivocada de um sócio, pode falir um empreendimento e isso é realmente sério!

Quais informações colocar na descrição dos sócios:

  1. nome
  2. endereço
  3. telefone
  4. breve currículo
  5. atribuições na empresa

EXTRA, EXTRA!

Como escolher meu sócio?

Não podemos te dar uma fórmula para escolher o melhor sócio, mas existem alguns pontos que devemos prestar atenção ao começar uma sociedade e termos que devem ser definidos antes de qualquer coisa. São eles:

  1. Seu sócio está alinhado com os objetivos da empresa?
  2. Quais são as ambições dele? O que ele realmente quer?
  3. Ele possui restrições cadastrais?
  4. Se o seu sócio morrer ou ficar impossibilitado de trabalhar como fica a sociedade? Quem tem preferência de compra? Os herdeiros terão poder de decisão?
  5. Quanto cada sócio vai ter de poder de decisão dentro da empresa?
  6. Ele vai poder contratar amigos e familiares? Se sim, quantas pessoas ele pode contratar?
  7. Quem vai fazer o que e por qual período?
  8. Seu sócio tem expertise na área que ele vai atuar?
  9. Como ele vai beneficiar o seu negócio? É um respaldo apenas financeiro? Ele vai ajudar com conhecimento e dominância em uma determinada área da empresa?
  10. Vá além: Por que essa pessoa deve ser sua/seu sócia(o)? Seja sincero com seu negócio: apenas laços de amizade ou familiares não são suficientes para definir uma sociedade
  11. E por último: coloque tudo em contrato, assinado por todos. Como diz o ditado, “melhor prevenir do que remediar”.

Dicas Finais Sobre o Sumário Executivo

  1. De 1 a 2 páginas
  2. resumo dos principais pontos do PN
  3. Essa apresentação tem o intuito de despertar o interesse do leitor sobre o seu negócio, por isso, capriche!
  4. A parte visual também é muito importante para atrair interesse do seu leitor, invista nisso!

Quer receber os novos conteúdos antes de todo mundo? Ou ser avisado de novidades no Blog?

Escrito por: Vanessa Fontes

Redatora publicitária e empreendedora